domingo, 31 de julho de 2011

Lars Kepler no Cartaz das Artes

Guerra dos Tronos, George R R Martin, opinião



George Martin abre a porta de um mundo fantástico que nos envolve por completo. É notória, sobretudo, a sua experiência enquanto escritor, pois esta saga não é só de fantasia, mas tem incluídos outros três géneros: romance, drama e thriller. O que torna esta fantasia original e refrescante para o género onde se insere, e com toda esta mistura que faz deixarmo-nos envolver na história, apoiar um personagem e conhecer a história até ao fim, como se o autor tecesse uma teia onde ficamos completamente embrulhados.
Este primeiro livro da saga apresenta-nos uma das famílias mais fortes que já conheci: os Stark. São os homens do Norte liderados por Eddard Stark, que tem cinco filhos legítimos e um bastardo, os Stark têm uma força interior para resistir à adversidade que ultrapassa tudo e todos, e dizem eles, que vem do frio do Norte, pois cada família tem um lema e um símbolo como brasão da casa.
A realeza e toda a corte lembra algo muito atual: um Parlamento! O autor tem uma forte tendência em olhar para a sociedade à sua volta e transmitir para os livros o há de mais sujo nela...
Apesar de seguirmos todas as personagens ao longo do livro, que falam em discurso direto, existindo assim uma ligação mais forte, como se estivéssemos dentro da mente do personagem. No entanto, em cada livro existe uma personagem ou um conjunto de personagens que define os ritmos de leitura, sendo a narrativa mais entusiástica ou mais calma.
Sinceramente, acabei de ler o livro e pensei: “Quando for grande quero escrever como este Senhor!” Pois quando o lerem vão ver que ele nos manipula com uma mestria incrível...
É definitivamente uma saga a seguir, recomendado não só a leitores de fantasia, mas também a quem goste de romance ou thriller.

sábado, 30 de julho de 2011

Novidades de Agosto - Os Outros


Contigo Para Sempre
Quando Mio, de vinte e nove anos, morre de doença, deixa para trás Takumi, um marido problemático, e Yuji, o filho de cinco anos. Mas um dia, enquanto estes passeiam num bosque, eis que a reencontram, confusa e sem qualquer memória do que lhe aconteceu. Um romance mágico e comovente sobre o poder redentor do tempo e das recordações.

Do Fundo do Coração
Três histórias apaixonantes que confirmam Nora Roberts como a autora romântica mais lida e premiada da atualidade.
No início da sua carreira, Nora Roberts escreveu três histórias inspiradoras que a tornaram conhecida como uma das vozes mais românticas da actualidade. Nesta colectânea apresentamos: 
Uma Última Noite, a história de Kasey, uma antropóloga que conhece Jordan, um escritor a fazer pesquisa para o seu próximo romance. Kasey e Jordan terão que lidar não só com os sentimentos que nutrem um pelo outro, mas com a sobrinha de Jordan, uma órfã solitária. 

Em 
Uma Questão de Escolha, o polícia James Sladerman tem a missão de investigar a loja de antiguidades de Jessica Winslow, onde existe a suspeita de roubo e tráfico de objectos de grande valor. O que Sladerman não esperava era sentir uma atracção cada vez mais forte pela mulher que tem de proteger a todo o custo. 

Em 
Fins e Recomeços, Liv é uma jornalista de Washington que trabalha para o jornal local enquanto Thorpe é repórter num dos maiores diários nacionais. O trabalho que partilham torna apenas mais forte a química entre ambos, mas Liv já foi magoada no passado e não deseja voltar a render-se a nenhum homem. O que ela não descobriu ainda é que Thorpe não aceitará um não como resposta.

Lições de Desejo
Ela tem um sonho. Ele tem um objectivo. O que os une pode separá-los para sempre.
Se Phaedra Blair não possuísse tanta beleza e estilo, a alta sociedade achá-la-ia apenas estranha. Mas como a Mãe Natureza a dotou de ambas as coisas, consideram-na interessante e excêntrica. Ela é uma mulher à frente do seu tempo. Deseja liberdade e persegue um sonho. Apaixonar-se não está nos seus planos imediatos. Aliás, o seu primeiro encontro com Lorde Elliot não é auspicioso. Injustamente presa, será graças ao poder e charme do jovem que consegue escapar. Mas Phaedra depressa descobre que o preço da sua "liberdade" é ficar virtualmente ligada ao seu "herói". Pois Elliot Rothman não agiu apenas numa missão de boa vontade. O seu objectivo é garantir que Phaedra não publicará um manuscrito que ameaça destruir o bom nome da sua família, e para tal, ele está disposto a tudo. Não contava, porém, encontrar uma adversária à sua altura. Os dois jovens vão debater-se com as convenções de uma sociedade rígida e, acima de tudo, com sentimentos tão intensos quanto contraditórios.

A Guerra dos Mascates
Amor romântico e ódio colectivo num confronto entre aristocratas e pequenos comerciantes que marcou a história do Brasil.
Miguel Real oferece-nos com A Guerra dos Mascates a narrativa de um confronto entre pequenos comerciantes e aristocratas que mobilizou a totalidade da população das cidades de Recife e Olinda no século XVIII. 
Revoltados contra o poder dos mazombos - senhores todo-poderosos do Pernambuco, proprietários de engenhos de açúcar e herdeiros da elite que expulsou os Holandeses do território -, os mascates insurgem-se contra a exploração de que são vítimas e decidem fazer uma sublevação. Na linha da frente está Vidal Rabelo, cujo casamento com a nobre Leonor Barbalho foi impedido de consumar e que tudo fará para recuperar a «sua recém, recém, recém senhora», nem que seja raptando-a, se for preciso. A seu lado, entre tantos outros, perfilam-se Julinho Telles Fernandes, a corajosa Violante Dias e o grande lutador pela libertação dos escravos Lula Aparecido da Silva. Amor romântico e ódio colectivo, febre de fé e febre de dinheiro, dignidade social e vingança pessoal, conjugam-se na descrição de personalidades inesquecíveis do cândido ao malévolo para compor um romance deliciosamente irónico que confirma Miguel Real como um dos mais portentosos ficcionistas da actualidade.

A Noiva Indiana - Recapagem
Um dos melhores livros da nova vaga de policiais nórdicos.
Gunder Jomann, um pacato solteirão vendedor de máquinas agrícolas, parte para a Índia à procura de uma noiva, inspirado pelas imagens de lindíssimas mulheres de saris coloridos que vira num livro. Aí conhece Poona, a mulher dos seus sonhos, casa-se com ela e regressa à sua remota aldeia, na fria Noruega, onde espera que Poona se lhe reúna dentro de poucas semanas. O desastre de automóvel da irmã impede-o de ir esperá-la ao aeroporto e o motorista de táxi que enviara para a trazer regressa sozinho. É então que a Ninguém consegue acreditar que, entre a boa gente de Elvestad, haja alguém capaz de um crime tão abominável. Mas a verdade é que as boas pessoas são, por vezes, capazes do pior e ninguém é totalmente inocente.

Vermelho da Côr do Sangue
Quando um mercenário ucraniano conhecido por Gengis Khan assalta a casa do banqueiro Ramiro de Sá, além de um segurança morto e das jóias roubadas, deixa atrás de si um problema inesperado: do cofre do banqueiro foi também levado o passaporte de Valentim Zadenko, um emissário do partido comunista da União Soviética que entrou em Lisboa no dia 24 de Novembro de 1975 e aí desapareceu misteriosamente. Enquanto o inspector Joel Franco, da Polícia Judiciária, investiga o homicídio do vigilante, o passaporte torna-se uma relíquia que muitos querem deitar a mão: não só o próprio Ramiro de Sá, mas também o chefe da máfia russa, um inspector do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, um veterano do PCUS que foi camarada de Zadenko e ainda Svetlana, a filha do operacional desaparecido, que vem para Lisboa à sua procura, alertada por um angolano que estudou em Moscovo e participou no assalto. Na busca do documento, todos os caminhos acabarão, mais tarde ou mais cedo, por ir dar a Ulianov, um ex-KGB especialmente treinado que em Portugal se tornou dirigente de um grupo criminoso. Joel terá de contar com a sua ajuda para desenterrar uma conspiração criminosa que nasceu no PREC e envolveu militares revolucionários, banqueiros, assassinos … e várias garrafas de Barca Velha.

Novidades de Agosto - Fantasia


Fragmento de Cristal
Volume I
Trilogia das Planícies Geladas: o elfo mais misterioso da fantasia está de volta.

Drizzt do'Urden está de volta. Venha descobrir a lenda do elfo mais misterioso e temido da fantasia. E acompanhe-o na épica jornada por um mundo onde só lâminas afiadas impõem respeito. 

Drizzt instalou-se nas cidades isoladas e fustigadas pelo vento das Planícies Geladas. É lá que encontra o jovem bárbaro de nome Wulfgar, capturado num raide e salvo pelo anão Bruenor em troca de cinco anos de serviço. Com a ajuda de Drizzt, Wulfgar cresce para se tornar num guerreiro poderoso e num homem com o coração generoso de um anão, os instintos apurados de um bárbaro e a alma corajosa de um herói. Mas tantas virtudes podem não ser suficientes para derrotarem o poder demoníaco de Crenshinibon, o lendário Fragmento de Cristal. E só Drizzt, esse estranho surgido das trevas, temido por todos e respeitado por uns poucos que o conhecem, poderá alterar o destino de todo o norte gelado.





Dragões de Éter
Caçadores de Bruxas

Pode dizer-se que, em Dragões de Éter - Caçadores de Bruxas, Raphael Dracon parte de uma simples questão para dar vida aos seus personagens: o que aconteceu depois? 
O que aconteceu ao Capuchinho Vermelho depois do caçador ter matado o lobo? E ao caçador? Teriam João e Maria realmente conseguido matar a bruxa? E qual foi a reação dos seus pais quando voltaram para casa? Teve a princesa realmente coragem de beijar o . príncipe que se transformou num sapo? E o que fizeram os anões depois de a Branca de Neve ter encontrado o seu príncipe? 
Quem é que, depois de ler os sempre eternos contos de fadas, não se questionou a esse respeito? De uma maneira dinâmica, Dragões de Éter - Caçadores de Bruxas narra a história do que teria acontecido depois desses contos chegarem ao fim sem perder a perspetiva da eterna luta entre o bem e o mal. 
O autor reúne todos estes personagens (e muitos outros) no Reino de Arzallum, muitos deles vivem em Andreanne, a capital do Reino. Arzallum fica em Nova Ether, um mundo que fora assolado pela magia negra praticada por bruxas que se desviaram do caminho do bem.




Cobiça
Sete pecados mortais... sete almas para salvar. Esta é a primeira.

Redenção não é uma palavra que Jim Heron conheça muito bem. A sua especialidade é a vingança e, para ele, o pecado é relativo. Mas tudo muda quando se torna um anjo caído e é incumbido da tarefa de salvar sete pessoas dos sete pecados mortais... e o fracasso não é permitido. Há muito que Vin diPietro se entregou ao trabalho... até que o destino intervém na forma de um autoproclamado salvador de aspeto duro e de uma mulher que o fará questionar o seu destino. Com uma entidade malévola pronta a reclamá-lo, Vin tem de unir forças a um anjo caído não só para conquistar a sua amada... mas também para salvar a sua alma.




O Apelo das Sombras

Um recente legado tornou Cassandra Palmer herdeira do título de Pítia, a principal clarividente do mundo. É uma posição que costuma vir acompanhada de anos de treino, mas as circunstâncias de Cassie são um pouco… invulgares. E, agora, ela está presa a um forte poder que todos os vampiros, Elementais e magos da cidade querem monopolizar ou erradicar - e que ela própria não se atreve a usar. Além do mais, Cassie acabou de descobrir que um certo vampiro mestre arrogante lhe colocou um geis - uma reivindicação mágica que afugenta quaisquer pretendentes e que também pode explicar a atração… intensa que sente por eles. Mas está farta de ser manipulada e, a partir de agora, quem tentar fazê-lo descobrirá que ela é uma péssima inimiga…




O Livro Sem Nome
de Anónimo

Caro Leitor,
Apenas os puros de coração poderão ler as páginas deste livro. Cada página que virar, cada capítulo que ler, levá-lo-á para mais perto do fim. Nem todos conseguirão terminar. A variedade de intrigas e de estilos poderá indispor e confundir. E, enquanto procura a verdade, ela apresentar-se-á diante dos seus olhos. A escuridão virá, e com ela um grande mal. E aqueles que lerem o livro poderão não voltar a ler a luz.


sexta-feira, 29 de julho de 2011

Want it badly

Olá,

Esta secção destina-se aos livros que vão sair e que acho que vou adorar...
Normalmente tenho bom gosto... :)


Este também...


E já agora, sem ser pedir muito...

Ilusão Perfeita

Tal como na capa, Jodi dá-nos um presente, uma personagem com quem me identifiquei muito: a Cassie. 
A história fragmentada entre passado e presente, dividida em três partes, faz com que queiramos ler o livro de uma vez só, para saber o que acontece a Cassie, conhecendo não só a personagem, mas também para ver na nossa imaginação um filme dramático a decorrer entre palavras, como se Jodi nos transmitisse um ecrã de cinema dentro das nossas cabeças. Mas quem já leu esta autora, já sabe que ela tem esse dom do "ecrã de cinema nos nossos olhos". Para mim foi o primeiro livro que li da autora, mas tenho o Em Troca de Um Coração na estante à espera de ser lido e com a intenção de ler mais alguns. Uma leitura deliciosa e empolgante.
A minha avaliação: *****