quarta-feira, 19 de outubro de 2011

A Lança do Deserto, Peter V Brett



Depois de ler O Homem Pintado criei uma grande expectativa em relação a este livro.
E pelo que vi, demasiado alta... Depois dos acontecimentos esperava ver como continuava a história, como se iria desenvolver aquele trio fantástico sobre o qual Brett nos fez seguir... Em vez disso fez-nos recuar na história e introduziu uma personagem pertencente ao clã do deserto que fazia pensar duas vezes antes de pegar no livro para ler... E de salientar também a narrativa que continua fluída, mas muito mais "massiva" que no livro anterior...

Este impacto criado no segundo livro é uma má aposta, o leitor segue as personagens mas ainda não tem o envolvimento necessário para ter estes saltos temporais e mesmo assim continuar com a história.

Este exemplo faz-me lembrar a ordem em que os livros do Tolkien são lançados para o cinema, primeiro o Senhor dos Aneis, só depois a origem da história, O Hobbit, o que no seguimento da história não faz qualquer sentido.
Ainda me sinto na dúvida em continuar a trilogia...

A minha avaliação: ***

Sem comentários:

Enviar um comentário