quinta-feira, 8 de março de 2012

Ferney - James Long


O Ferney, ou melhor, o Sr. James Long, cativou-me desde a primeira página.
Foi principalmente pela diferença, por um Ferney e uma Gally diferentes das personagens comuns das histórias românticas que lemos, dos romances e da vida diária, leva-nos a pensar em atitudes e acontecimentos anteriores, e o que seria o presente sem eles, e o futuro...

Um amor intemporal.

Classifico-o não como um bom romance, mas como um grande momento de reflexão.

A minha avaliação: ****

Sem comentários:

Enviar um comentário